segunda-feira, 14 de março de 2016

Sim?!

Forest Gump - Frank Ocean
Na minha cabeça desde 2012


Há uns dias atrás, tive conhecimento da existência de algo muito interessante, talvez já devesse saber disto, mas enfim… O TED! É uma entidade sem fins lucrativos que tem o mero objetivo de espalhar ideias, “spreading ideas” como eles dizem, basicamente pessoas interessantes, com ideias ou apresentações muito interessantes, fazem uma apresentação merecedora de um 20, numa escala de 1 a 20… Recomendo a todos os que nas suas rotinas da vida têm que fazer muito discurso social/public speaking e até mesmo aos estudantes, para as suas apresentações curriculares.

Bem, isto só para contextualizar.

A primeira apresentação que vi foi da Shoda Rhimes, a criadora de séries como Anatomia de Grey e Scandal, entre outras. No meu scroll down habitual no LinkedIn deparei-me com o vídeo dela, com o título “My year of saying yes to everything” (O meu ano a responder “sim” a tudo), em primeiro lugar, lembrei-me de uma comédia protagonizada pelo Jim Carrey ou Adam Sandler (não sei precisar) em que a personagem principal, por uma magia ou feitiço qualquer, simplesmente não conseguia responder que “não” a absolutamente nada… Acho que tanto no filme como nestes 18 minutos da apresentação da Shonda a falar em como dizer que “sim”, mudou a sua vida, são ensinamentos que devemos apreender. Inspirou-me. (Já agora, tomei a liberdade de a tratar por Shonda, simplesmente Shonda!).

Sem querer estragar-vos a experiência, porque acho que era bom verem o vídeo na íntegra, vou revelar pouco, mas não demais. Relacionei-me muito com a Shonda assim que ela falou num termo chamado “The Hum”, é algo que se relaciona com o teu Dream Job, o meu Dream Job (um termo que eu uso muito e me captou mais o facto da Shonda também ter utilizado no Ted), e muito trabalhares nele, tanto, tanto, mas tanto, que toda eu sou o meu Dream Job, o Dream Job define-me em vez de ser eu a defini-lo, quando digo eu, digo tu, nós, eles, etc. ... Isto não é para dizer que sou um “Ás” no meu Dream Job, ou que não faço mais nada senão trabalhar, é verdade que nos últimos meses, tenho trabalhado mais horas, e por isso tenho tido algumas dificuldades em escrever aqui no meu espaço, mas quando a Shonda me diz “tenho 3 séries, às vezes 4, é responsável por 70 horas de televisão por temporada…” e eu fico do género “eu trabalho, vou ao ginásio, estou com os amigos, estou com o meu namorado e ainda tenho um blog”, bem aqui é quando me repreendo a mim mesma e digo “Patrícia, como assim “AINDA” tens um blog?!” e apetece-me chamar-me alguns nomes ruins, mas…

A realidade é que eu não estou a dominar tudo, na realidade só estou a descurar no blog, não devia ser, eu sei, mas o que quero dizer mesmo, é que, se antigamente num trabalho eu fazia uma hora a mais e ficava tão chateada, hoje em dia, por vezes, chego a fazer uma, duas, três horas a mais, e não me faz comichão, desde que sinta que o trabalho está feito. As coisas mudam… Sei que a falta de comichão se deve muito ao facto de ter meu Dream Job. Mas este Hum que a Shonda me apresentou é algo com que é preciso ter muito, mas muito cuidado, porque eu não sou só trabalho. É muito fácil o trabalho consumir-nos e de repente, puf, fazemos o que sempre quisemos fazer da vida, no então, já não gostamos de como está a correr, eu não faço o trabalho aquilo que é, é o trabalho que acaba por definir quem sou, oq eu faço, etc, etc. …

Atenção, isto não me está a acontecer, mas aconteceu à Shonda. E o conselho que ela me deu é priceless! Se eu disser “sim” a mais situações da minha vida… Se eu perder (ou ganhar) 15 minutos num “sim” na minha vida, em vez de dizer “não” e deixar que o trabalho me consuma, serei, e continuarei a ser, muito mais eu, e não o meu trabalho. Não é que eu diga “não” frequentemente, mas sem dúvida alguma que adoro, mesmo que inconscientemente (mas vou deixar de adorar), dizer que “Ai estou muito cansada, só saí agora do trabalho…” .


Sim?!

Acompanhem-me também no Facebook e Instagram

3 comentários:

  1. Hello you have very nice blog. Do you want to follow each other? If yes let me know. http://andreanalens.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  2. Tenho de ir ver esse vídeo! Acho que me pode inspirar :) Obrigada!

    r: obrigada pelas tuas palavras :)

    ResponderEliminar